Available languages:
António Guterres (Secretário-Geral) por ocasião do Dia Internacional da Educação 2021
22 Jan 2021 -  A interrupção da educação afeta todos - especialmente alunos, professores e famílias.
Hoje, no terceiro Dia Internacional da Educação, presto homenagem à sua resiliência face a uma pandemia que, no seu auge, obrigou quase todas as escolas, institutos e universidades a fechar as portas.
Embora esta interrupção tenha levado a inovações na aprendizagem, também frustrou as esperanças de um futuro melhor entre as populações vulneráveis.
Todos nós pagamos o preço.
Afinal, a educação é fundamental para ampliar oportunidades, transformar economias, combater a intolerância, proteger o nosso planeta e cumprir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.
À medida que o mundo continua a lutar contra a pandemia, a educação - como um direito fundamental e um bem público global - deve ser protegida para evitar uma catástrofe geracional.
Mesmo antes da pandemia, cerca de 258 milhões de crianças e adolescentes estavam fora da escola, a maioria meninas.
Mais de metade das crianças com 10 anos de idade em países de baixo e médio rendimento não estavam a aprender a ler um texto simples.
Em 2021, devemos aproveitar todas as oportunidades para reverter esta situação.
Devemos garantir a reposição total do fundo da Parceria Global para a Educação e fortalecer a cooperação educacional a nível mundial.
Devemos também intensificar os nossos esforços para redefinir a educação - formando professores, eliminando a exclusão digital e repensando os currículos para equipar os alunos com as competências e o conhecimento necessários para prosperar neste nosso mundo em rápida mudança.
Vamos comprometermo-nos na promoção da educação para todos - hoje e todos os dias.
Recent Video On Demand
Thumbnail 00:02:43
हिन्दी 6 Mar 2021